Piauí renova com parceria internacional para agricultura familiar

“Novos recursos deverão ser aplicados no Semiárido piauiense até 2021.”

Em reunião com o governador Wellington Dias, nesse domingo (28), o gerente do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), Paolo Silveri, confirmou a renovação de contrato do fundo com o Piauí.

“Temos um contrato de aproximadamente U$ 20 milhões (cerca de R$ 60 milhões) com um aditivo aos contratos existentes que vão nos permitir seguir investindo a partir do ano de 2018”, informou Wellington. Para o governador, o Fida é um grande parceiro do Estado no Semiárido na execução e modernização dos arranjos produtivos, o que tem beneficiado centenas de famílias de pequenos agricultores da região.

Boa parte dos projetos do Fida no estado já foi executada. O empenho agora é para a conclusão do balanço das ações e obtenção da nota por parte do Tesouro Nacional. A previsão, de acordo com o governo, é de que a avaliação técnica seja igual ou melhor do que a de 2016.

O gerente de Programas da Divisão da América Latina e Caribe do Fida fez um balanço positivo das ações do fundo no Semiárido piauiense e garante novos recursos para os próximos anos. “Aqui estamos conseguindo apoiar as famílias do Semiárido, que vivem em condições muito duras. Eu mesmo, como representante do Fida, pude verificar pessoalmente. Por isso, estamos confirmando o apoio também para o novo ciclo de negociação, que começa em 2019 e vai até 2021”, afirmou Paolo Silveri.

ccom/piauí
por: Valmir Macêdo



ATENÇÃO!! Os comentários aqui expressos não representam a opinião deste portal de notícias. A responsabilidade é inteiramente do autor da mensagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *